Beleza

Como cuidar de si mesmo, viver muito e não envelhecer: 10 hábitos de beleza do Japão


Dieta japonesa

Enquanto a geração mais jovem começa a comer mais alimentos ocidentais, a dieta tradicional japonesa tem mais benefícios para a saúde e inclui muitos peixes e legumes da estação, bem como tofu e algas marinhas.

A dieta japonesa é rica em ácidos graxos ômega-3, poderosos antioxidantes, isoflavonas, que ajudam a manter o equilíbrio de hormônios e minerais, como cálcio e magnésio. É importante manter um peso corporal saudável e retardar o envelhecimento. Se você quiser aderir a este sistema de nutrição, então você precisa equilibrar seus oligoelementos e comer proteínas, gorduras e carboidratos em cada refeição (por exemplo, peixe, arroz e prato de legumes).

A segunda vantagem é que a dieta tradicional japonesa inclui pequenas refeições com diferentes ingredientes sazonais, o que significa que cada refeição pode ter até 30 ingredientes e, finalmente, muitos oligoelementos, vitaminas, minerais, antioxidantes e fitoquímicos, que pode reduzir o risco de doenças crônicas.

Consumir alimentos mais fermentados.

Alimentos fermentados e bebidas, como iogurte, ayran, iogurte, vinho e chucrute, são populares no cardápio russo e são importantes não apenas para a saúde, mas também para o seu peso.

Alimentos fermentados promovem microflora saudável no ambiente intestinal. E ajuda a prevenir a obesidade, síndrome metabólica e ganho de peso.

Não esqueça de beber chá verde

Substituir seu café diário por chá verde tradicional japonês pode ser uma jogada inteligente. O chá verde é uma incrível fonte de fitoquímicos poderosos chamados catequinas. Eles ajudam a proteger a pele dos raios UV e, finalmente, previnem o envelhecimento prematuro. Você deve beber pelo menos 4 xícaras por dia para ver os benefícios.

Experimente o óleo de Tsubaki (camélia japonesa)

O óleo de Tsubaki (camélia) é parte integrante dos rituais de beleza japoneses há séculos. O óleo absorve rapidamente, é hipoalergênico e não obstrui os poros. Recomenda-se usar todos os dias: aplique na face, pescoço e área do peito, massageando os movimentos. Hidrata a pele, tornando-a flexível e nutrida.

Adicione algas à sua dieta

Se você perceber que o que você come é mais importante do que os cremes e máscaras que você faz, então você entenderá porque as algas são normalmente consumidas no Japão. Eles são fontes incrivelmente ricas de minerais - especialmente cálcio, iodo e ferro - que são vitais para cabelos brilhantes e unhas saudáveis.

Não se esqueça dos benefícios da embalagem

Enquanto os cuidados com a pele no Ocidente são muitas vezes parte da rotina, muito parecido com o fio dental ou escovar os dentes, no Japão este é um ritual importante, que muitas vezes pode envolver várias etapas. E a chave para a pele bonita é o cuidado complexo: preparar a pele para uma massagem, vapor e máscaras de tecido hidratante, às vezes com a adição de um envoltório.

Ensine-se a fazer massagem linfática todos os dias.

Massagem linfática também é um ritual de beleza popular no Japão que pode ser repetido em casa com as mãos. Esfregue soro ou loção hidratante ou mesmo óleo na pele, pescoço e decote, e massageie não apenas o rosto, mas também atrás dos lóbulos das orelhas, ao redor da clavícula e sob as axilas para estimular o fluxo linfático.

Não se esqueça dos benefícios de beber colágeno

Beber produtos cosméticos é popular entre as mulheres japonesas, mas não se esqueça de verificar os ingredientes antes de testá-los em si mesmo. Muitas dessas bebidas incluem ingredientes menos desejáveis, como xarope de milho com alto teor de frutose e adoçantes artificiais, como aspartame e sucralose.

Evite a exposição prolongada ao sol.

Esta é uma dica óbvia de cuidado da pele que muitos de nós ignoramos, especialmente nesta época do ano, mas lembre-se de proteger do sol é necessário. Loções para o corpo, chapéus grandes, bonés e guarda-sóis são populares no verão ou em dias ensolarados para proteger contra a radiação ultravioleta.