Relacionamento

4 conclusões porque a posição de liderança de uma mulher em um relacionamento é ruim


Para ser feliz, você deve obedecer a um homem - nossas mães e avós dizem isso. Tudo seria legal, mas e se um homem estiver francamente errado? Ou, por exemplo, pensa que “o lugar de uma mulher está na cozinha”? Ou não quer contar com seus desejos, não aprova o desejo de crescimento na carreira?

Para obter a felicidade da família, não é necessário se submeter a um homem. Mas afirmar sua primazia também não é a melhor ideia. Pense no que te atrai para isso? Certamente esta é a força e capacidade de assumir responsabilidade, determinação e outras qualidades verdadeiramente masculinas para você. E o que ele será, se você tomar a posição da anfitriã em casa? O mais provável é que seja levado para o seu lar, e você mesmo ficará desapontado com ele. Como encontrar um meio termo?

Seja financeiramente independente

Deixe o seu marido fazer todos os seus assuntos familiares e ajude-o o máximo que puder. Mas, ao mesmo tempo, certifique-se de ter seu próprio dinheiro - é muito mais fácil viver dessa maneira. Além disso, essa abordagem pode resolver um problema importante - o homem não terá a opinião de que você não se afastará dele, porque depende dele financeiramente.

Mantenha seu direito à sua própria opinião

Isso se aplica a qualquer esfera - desde o que vestir e como olhar, até o final para encontrar-se com amigos ou encontrar colegas de classe. Tudo isso é apenas sua decisão pessoal e ninguém pode influenciá-lo.

Lidar com sua vida

Muitos homens insistem em uma mulher sentada em casa. No entanto, isso dificilmente será de algum benefício para você - uma carreira ou uma atividade favorita permitirá que você se sinta realmente realizado, e você não precisará mais ter controle total sobre seu marido.

Encontre benefícios

Há tantas vantagens em permitir que um marido ocupe uma posição de liderança. Uma sensação de calma e segurança, segurança e, finalmente, a oportunidade de finalmente se sentir como uma mulher de verdade.