Relacionamento

6 relacionamentos que não têm futuro


Construímos nossa própria vida e relacionamentos com o sexo oposto com nossas próprias mãos - isso é obviamente conhecido por todos. Mas ainda existem alianças que, mesmo nos estágios iniciais de seu desenvolvimento, inevitavelmente levam à separação. Isto não é karma e não é a vontade do acaso, esta é uma conclusão completamente lógica do que foi imediatamente um erro.

1. Relacionamento através de conhecidos através de parentes ou amigos

Nesse caso, amigos ou parentes agem como casamenteiros que apresentam os futuros noivos (como pensam) uns aos outros e depois fazem de tudo para que essa união viva e floresça. Em primeiro lugar, tais relacionamentos são inicialmente construídos na interação de duas pessoas completamente diferentes, que concordaram entre si não porque eles mesmos queriam, mas porque eles foram reunidos. E em segundo lugar, o casal estará constantemente sob a arma dos "bons casamenteiros", que considerarão seu dever dar conselhos e falar sobre como viver corretamente.

2. Relacionamentos de desespero e solidão

Muitas vezes, tal união é introduzida por pessoas que estão em um estado depressivo após um divórcio ou separação, ou aquelas que ficaram sozinhas por um longo tempo. Tais relacionamentos são como desejar o bem e tentar fazer “certo”. Normalmente, em tais casos, tudo é extremamente tenso, não natural e histérico demais. Existe uma alta probabilidade de que em pouco tempo esta conexão seja interrompida por tédio banal e incapacidade de se desenvolver.

3. Amor à primeira vista

No mesmo caso, quando os dois se viram, o coração fez um triplo movimento, a cabeça desligou e agora - eles já se amam. Na verdade, na maioria dos casos, isso não é amor, mas uma paixão que brilha intensamente, deslumbra e também morre rapidamente. Muitas vezes essa relação é limitada ao sexo, e quando o interesse um pelo outro desaparece, simplesmente desaparece.

4. "Relacionamento Perfeito"

Parece simples como um guia para uma vida familiar feliz: completa harmonia, compreensão e amor. Mas, via de regra, tudo isso é apenas uma aparência, um belo invólucro e auto-engano. O relacionamento ideal esconde, muitas vezes, total indiferença entre si e falta de vontade de ver e resolver problemas.

5. Relacionamentos no papel de "amante amante"

Sim, esse relacionamento pode durar anos, ou até mais, mas nunca terminará de forma alguma. Tais relacionamentos estão condenados ao fracasso antecipadamente, porque os amantes sempre têm uma vida real por trás deles, um que sempre estará em primeiro plano. Uma traição permanece por novas experiências, emoções e desabafos da rotina diária.

6. Relacionamentos construídos sobre o medo de perder um parceiro

Neste caso, geralmente se ama, e o outro se permite amar. Aquele que ama, neste caso, está em uma dolorosa dependência de seu parceiro, tornando o sentido da vida apenas que não perdê-lo. Tais relacionamentos nunca serão completos e harmoniosos, porque o parceiro dependente se torna uma vítima, uma sombra burra e uma pessoa ferida. É impossível construir a felicidade, sentindo dentro de si mesmo o medo, a subordinação e a manipulação.